julho 13, 2024
InícioRondôniaMP recomenda reserva de vagas para PCDs e pessoas negras em processo...

MP recomenda reserva de vagas para PCDs e pessoas negras em processo seletivo da Prefeitura de Porto Velho

Publicado em

O Ministério Público de Rondônia (MPRO) recomendou a reserva de vagas para pessoas com deficiência e pessoas negras no processo seletivo simplificado para cargos na área da assistência social.

A recomendação foi feita nesta segunda-feira, 24, após a verificação de que o edital da Secretaria Municipal de Administração, em Porto Velho, possuía apenas cargos para o público geral.

O que diz a lei?

A 9ª Promotoria de Justiça argumenta, na recomendação, que tanto as leis brasileiras quanto os tratados internacionais determinam a defesa dos direitos das pessoas em situação vulnerável, e que a definição de cotas para acesso aos cargos públicos é uma das estratégias utilizadas. Além disso, mostra que a legislação estadual prevê a reserva de 10% das vagas para pessoas com deficiência e 20% para pessoas negras.

De acordo com recomendação, a reserva deve ser aplicada tanto para concursos de cargos efetivos, como para processos seletivos simplificados de contratação temporária.

O texto adverte, ainda, que não devem ser admitidas condutas administrativas que dificultem o exercício de direitos fundamentais especialmente para grupos vulneráveis e minorias e que, em razão da aplicação dos princípios da segurança jurídica, continuidade da atividade estatal, não surpresa, eficiência e transparência, o gestor público deve respeito ético ao seu corpo de munícipes, sendo-lhe vedada a prática de ações impensadas que possam redundar em retrocessos no âmbito da Administração Pública.

Prazo para resposta

Devido ao curto tempo fixado no calendário do edital, o Município dispõe de dois dias para informar ao MPRO se acatará ou não a recomendação, incluindo a alteração do edital, abertura de novo prazo de inscrição e ampla divulgação do novo texto.

A 9ª Promotoria de Justiça da capital atua na defesa das pessoas idosas, com deficiência, além de combater o racismo e a discriminação racial.

Foto: Divulgação 

Últimos Artigos

Prefeitura lança edital de chamamento para área de alimentação do Mormaço Cultural 2024

Nesta sexta-feira, 12, a Prefeitura de Boa Vista abriu o edital de chamamento para...

Ex-deputada Marília Pinto assume Superintendência de Programas Especiais da ALE após convite de Sampaio

Na manhã desta sexta-feira, 12, o presidente da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR), Soldado...

Infrações por falta de cinto de segurança aumentam 57,6% em Roraima em junho

O Detran-RR (Departamento Estadual de Trânsito de Roraima) registrou no mês de junho deste...

Inscrições para Curso de Robótica Educacional em Boa Vista são prorrogadas até 14 de julho

As inscrições para o Curso de Robótica Educacional da Prefeitura de Boa Vista são...

Mais como este

Prefeitura lança edital de chamamento para área de alimentação do Mormaço Cultural 2024

Nesta sexta-feira, 12, a Prefeitura de Boa Vista abriu o edital de chamamento para...

Ex-deputada Marília Pinto assume Superintendência de Programas Especiais da ALE após convite de Sampaio

Na manhã desta sexta-feira, 12, o presidente da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR), Soldado...

Infrações por falta de cinto de segurança aumentam 57,6% em Roraima em junho

O Detran-RR (Departamento Estadual de Trânsito de Roraima) registrou no mês de junho deste...