junho 12, 2024
InícioRondôniaEm Rondônia, investimentos intensificam inovação e empreendedorismo em cursos profissionalizantes

Em Rondônia, investimentos intensificam inovação e empreendedorismo em cursos profissionalizantes

Publicado em

Além de fortalecer e expandir a qualificação da mão de obra nos 52 municípios  rondonienses, o governo de Rondônia está intensificando o empreendedorismo e a inovação nos cursos profissionalizantes ofertados pelo Instituto Estadual de Desenvolvimento da Educação Profissional (Idep). Com esse objetivo, Rondônia participou, de 7 a 9 de maio, em Brasília, do II Encontro Nacional de Inovação e Empreendedorismo na Educação Profissional e Tecnológica (InovEPT).

Conforme destacado pela presidente do Instituto Estadual de Desenvolvimento da Educação Profissional, Adir Josefa de Oliveira, o evento organizado pela Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec), do Ministério da Educacão (MEC), reuniu gestores, lideranças e pesquisadores para articular a criação de um ecossistema de inovação na Educação Profissional e Tecnológica.

Para o governador de Rondônia, Marcos Rocha, a inovação e o empreendedorismo são dois temas priorizados pela governo do estado, visando o progresso econômico e o desenvolvimento social.

“Graças aos investimentos que o governo de Rondônia vem fazendo para fortalecer a geração de emprego e renda, nosso Estado se destaca hoje, nacionalmente, com indicadores positivos que comprovam avanços na economia local”, evidenciou Marcos Rocha.

TENDÊNCIA 

Na quarta-feira (15), a presidente do Idep apresentou as inovações do ensino profissionalizante de Rondônia durante o Fórum Nacional dos Conselhos Estaduais e Distrital de Educação (Foncede), Reunião Plenária Região Norte, realizado em Porto Velho, nos dias 14 e 15. No encontro, que contou com participantes de Rondônia e outros estados, discorreu sobre o tema “Tendências e Desafios da Educação Profissional e Tecnológica na modalidade EaD”.

Sobre empreendedorismo e inovação, Adir Josefa destacou que a formação profissional deve ser rápida e alinhada às necessidades do mercado. “Com a competitividade, é necessário formar o cidadão para criar e gerir seus próprios negócios como resposta eficaz contra o desemprego, e uma forma de fomentar a inovação”, concluiu.

Foto: Divulgação 

Últimos Artigos

Agentes da Polícia Civil de Roraima participam de operação nacional de proteção ao Meio Ambiente

A PCRR (Polícia Civil de Roraima), por meio da DPMA (Delegacia de Proteção ao...

Em Brasília, Helder Barbalho diz que escolheu para o Pará modelo de desenvolvimento baseado em floresta viva

O governador do Pará, Helder Barbalho, afirmou, nesta quarta-feira, 12, que o Estado do...

Professor é condenado a 114 anos de prisão por estupro de seis crianças em Jaci-Paraná; Denúncia foi do MP

O Ministério Público de Rondônia (MPRO) obteve, junto ao Poder Judiciário, a condenação de...

ALE vai tomar providências contra policial civil de Roraima que chamou deputado de “otário”, “mentiroso” e “banana”

Nesta quarta-feira, 12, a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR) se reuniu...

Mais como este

Agentes da Polícia Civil de Roraima participam de operação nacional de proteção ao Meio Ambiente

A PCRR (Polícia Civil de Roraima), por meio da DPMA (Delegacia de Proteção ao...

Em Brasília, Helder Barbalho diz que escolheu para o Pará modelo de desenvolvimento baseado em floresta viva

O governador do Pará, Helder Barbalho, afirmou, nesta quarta-feira, 12, que o Estado do...

Professor é condenado a 114 anos de prisão por estupro de seis crianças em Jaci-Paraná; Denúncia foi do MP

O Ministério Público de Rondônia (MPRO) obteve, junto ao Poder Judiciário, a condenação de...