junho 12, 2024
InícioDestaquesMerenda escolar de Boa Vista é símbolo de sabor, alimentação saudável e...

Merenda escolar de Boa Vista é símbolo de sabor, alimentação saudável e impulsiona a agricultura familiar

Publicado em

Quando o assunto é primeira infância, uma alimentação saudável e balanceada é essencial para o desenvolvimento das crianças. Por isso, a Prefeitura de Boa Vista investe de maneira expressiva na merenda escolar, um dos diferenciais das escolas municipais. Afinal, mais que um delicioso sabor, a refeição ideal deve conter nutrientes necessários para a saúde e bem-estar dos cerca de 53 mil alunos atendidos atualmente.

Pensando nisso, todo o cardápio das 136 escolas que integram a Rede Municipal de Ensino, incluindo o Centro de Autismo e Centro Integrado de Educação Especial é elaborado por uma equipe técnica de nutricionistas da Secretaria Municipal de Educação e Cultura (SMEC), com base no Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

Alimentação saudável e fomento à agricultura familiar

Em 2023, toda a rede recebeu aproximadamente duas toneladas de alimentos (1.843.507 kg), sendo que 48% foram provenientes da agricultura familiar, distribuídos por cooperativas e seus credenciados. Na categoria de gêneros ofertados, estão: frutas, verduras e legumes, além de mel de abelha e polpa de frutas.

“Garantir uma alimentação saudável aos nossos alunos da rede municipal de ensino é um compromisso da Prefeitura de Boa Vista. Esse investimento também representa o fomento da agricultura familiar com a aquisição desses alimentos, que são de muita qualidade e chegam frescos às nossas unidades escolares”, disse o prefeito Arthur Henrique.

Cuidado e carinho com a merenda escolar

A equipe de nutricionistas é responsável pela elaboração do cardápio e fiscalização das merendas nas escolas, com visitas técnicas mensais. Ao chegar na unidade, esses profissionais verificam a organização do estoque, validade dos produtos e se de fato o cronograma de refeições é cumprido corretamente.

A cada seis meses, eles também são responsáveis por capacitar as merendeiras, com orientações sobre boas práticas de manipulação, controle de estoque, além de preparo e reaproveitamento de alimentos. De acordo com o gerente de nutrição da SMEC, George Barros, todas as refeições possuem os nutrientes necessários para o efetivo desenvolvimento das crianças.

“Prezamos por alimentos naturais, minimamente processados, que contribuirão para que esses alunos melhorem seu desempenho na escola e se desenvolvam de maneira saudável. Além disso, a ideia é estimular esses hábitos desde cedo, com a introdução de legumes, verduras e frutas, tendo como base as diretrizes do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação e PNAE”, explicou.

Os alunos amam 

Além disso, é levado em consideração o valor nutricional para faixa etária dos alunos, modalidade de ensino e questões culturais. Nas escolas indígenas, por exemplo, o peixe está presente no cardápio com mais frequência. Nas creches, em que as crianças ficam em período integral, são servidas quatro refeições diárias (café da manhã, lanche da manhã, almoço e lanche da tarde).

Para Alana dos Santos, de 9 anos e Jhenifer Jost, de 10, alunas do 5° ano na Escola Municipal Teresa Maciel, a hora da merenda é um dos momentos mais esperados do dia. “A gente adora a merenda. É tudo muito gostoso, mas os nossos pratos preferidos são mingau de fubá, tapioca e pão com ovo, sopa, carne com arroz e farofa”, contaram.

Cardápio saboroso 

A composição básica da merenda escolar é: o carboidrato, que é o arroz ou macarrão; a leguminosa, que é o feijão; além da proteína com variedades de ovo, carne bovina, frango e peixe, sem contar a salada e frutas.

Para se ter uma ideia, são mais de 10 combinações diferentes de lanche/almoço: paçoca nutritiva (charque, beterraba, cenoura e couve); sopa macuxi; arroz com milho, feijão-preto, bife ao molho e purê de batatas; risoto colorido de frango; salada colorida, almôndegas assadas, arroz, feijão-fradinho e laranja.

Também inclui peixe ao molho, baião de dois e salada colorida; macarronada de carne moída com tomate e orégano; salada de frutas com iogurte e aveia; vitamina de frutas
e “Bolo do Hulk” (à base de couve) com suco. Já o café da manhã dispõe de opções nutritivas: tapioca com queijo; cuscuz com ovo e mingau de banana com tapioca.

Foto: Divulgação 

Últimos Artigos

Agentes da Polícia Civil de Roraima participam de operação nacional de proteção ao Meio Ambiente

A PCRR (Polícia Civil de Roraima), por meio da DPMA (Delegacia de Proteção ao...

Em Brasília, Helder Barbalho diz que escolheu para o Pará modelo de desenvolvimento baseado em floresta viva

O governador do Pará, Helder Barbalho, afirmou, nesta quarta-feira, 12, que o Estado do...

Professor é condenado a 114 anos de prisão por estupro de seis crianças em Jaci-Paraná; Denúncia foi do MP

O Ministério Público de Rondônia (MPRO) obteve, junto ao Poder Judiciário, a condenação de...

ALE vai tomar providências contra policial civil de Roraima que chamou deputado de “otário”, “mentiroso” e “banana”

Nesta quarta-feira, 12, a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR) se reuniu...

Mais como este

Agentes da Polícia Civil de Roraima participam de operação nacional de proteção ao Meio Ambiente

A PCRR (Polícia Civil de Roraima), por meio da DPMA (Delegacia de Proteção ao...

Em Brasília, Helder Barbalho diz que escolheu para o Pará modelo de desenvolvimento baseado em floresta viva

O governador do Pará, Helder Barbalho, afirmou, nesta quarta-feira, 12, que o Estado do...

Professor é condenado a 114 anos de prisão por estupro de seis crianças em Jaci-Paraná; Denúncia foi do MP

O Ministério Público de Rondônia (MPRO) obteve, junto ao Poder Judiciário, a condenação de...