junho 22, 2024
InícioRoraimaCom trabalho sobre os impactos do garimpo ilegal, professoras de Boa Vista...

Com trabalho sobre os impactos do garimpo ilegal, professoras de Boa Vista conquistam Prêmio Professor Porvir

Publicado em

Manter a atenção dos alunos em sala de aula é uma grande missão para um professor na hora de lecionar. E na busca por inovação na metodologia de ensino, três professoras da Escola Municipal Francisco de Souza Bríglia foram vencedoras da 1ª edição do Prêmio Professor Porvir, ficando entre 32 finalistas.

O projeto teve autoria das educadoras Shirlei dos Santos Catão, Edilamar dos Santos Soares e Francimara Barbosa Gomes, concorrendo na categoria de Ensino Fundamental 1. Com os alunos da Educação de Jovens e Adultos (EJA), elas focaram a pesquisa no tema “Impactos do garimpo ilegal”. No dia 4 de maio, as professoras vão participar de um evento em São Paulo (SP), onde terão seus relatos publicados em um e-book.

“Nossa proposta foi mostrar as consequências do garimpo ilegal na contaminação da água e do meio ambiente, além de conversar com a comunidade escolar sobre as melhores formas de minimizar esse impacto no estado de Roraima. Foi a partir daí, que criamos o projeto “A terra de Macunaíma pede socorro!”, disse a professora Shirlei dos Santos.

Elas debateram o assunto com a turma do terceiro ano da EJA, onde alunos puderam conhecer lideranças indígenas que lutam pela causa, como a presidente da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (FUNAI), Joenia Wapichana e o presidente da Hutukara Associação Yanomami, Davi Kopenawa.

“Com essa pesquisa, aprendi que o garimpo destrói a fauna, a flora, os rios e a nossa terra, o que afeta diretamente toda a sociedade. Por isso, o objetivo do nosso trabalho é conscientizar as pessoas dos malefícios dessa atividade”, relatou a aluna Surama Martins.

De acordo com a professora Francimara, a pesquisa fez com que os alunos valorizassem ainda mais o papel desses ambientalistas. E para homenageá-los, os estudantes confeccionaram um mural, que ficou exposto no corredor da escola. Eles convidaram outras turmas da EJA para apresentar os resultados da pesquisa e a história de cada um desses defensores do meio ambiente.

“Fizemos debates sobre a temática ‘Água x garimpo ilegal’, a partir de uma reportagem que mostra um dado alarmante: 45% do mercúrio usado em garimpos ilegais para extração de ouro é despejado em rios e igarapés da Amazônia, sem qualquer tratamento ou cuidado. Esse material pode permanecer por até cem anos em diferentes compartimentos ambientais, além de provocar diversas doenças em pessoas e em animais”, completou a educadora Fracimara.

Para Letícia Lyle, uma das avaliadoras do projeto, o trabalho das professoras não se limita à sala de aula, pois os estudantes puderam expor vivências pessoais, compreender o problema e encontrar soluções. “É emocionante esse projeto. As professoras tiveram muita criatividade em tratar do tema, envolvendo os estudantes e a inclusão. Elas conseguiram transformar a aprendizagem em algo tão significativo”, disse.

PORVIR – Plataforma de conteúdos e mobilização sobre inovações educacionais do Brasil, o Porvir está em atividade desde 2012, mapeando, produzindo e difundindo referências para inspirar e apoiar transformações que garantam equidade e qualidade na educação a todos os estudantes brasileiros. Em 2019, após sete anos como um projeto do Instituto Inspirare, tornou-se uma organização autônoma e sem fins lucrativos. O site oficial é https://porvir.org/.

MAIS PREMIAÇÃO – Participantes do projeto, os alunos da EJA, que têm entre 16 e 74 anos, também conquistaram o 7º Prêmio Territórios do Instituto Tomie Ohtake, que lhes rendeu doação de livros, produção de um minidocumentário, bolsa de estudos, apoio financeiro para a escola e muito mais. Em março ocorrerá o “Encontro de Territórios” para a cerimônia de premiação das 10 escolas selecionadas.

Foto: Divulgação 

Últimos Artigos

James Batista ‘queima largada’, promove esposa em entrevista e é condenado por propaganda antecipada

Nesta quinta-feira, 20, a Justiça Eleitoral condenou o prefeito de São Luiz, James Batista,...

Governo de Roraima promoverá Feiras de Ciências para estimular produção científica na Educação Básica

Já estão programadas para o segundo semestre letivo deste ano duas grandes Feiras de...

Ex-ministro Ciro Gomes palestra sobre crescimento econômico na ALE e recebe homenagem de Sampaio

A Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR) realizou, nesta sexta-feira, 21, uma sessão especial com...

Prefeito Arthur Henrique empossa mais profissionais das áreas de saúde e social nesta sexta-feira, 21

Nesta sexta-feira, 21, o prefeito Arthur Henrique (MDB) empossou novos profissionais para compor o...

Mais como este

James Batista ‘queima largada’, promove esposa em entrevista e é condenado por propaganda antecipada

Nesta quinta-feira, 20, a Justiça Eleitoral condenou o prefeito de São Luiz, James Batista,...

Governo de Roraima promoverá Feiras de Ciências para estimular produção científica na Educação Básica

Já estão programadas para o segundo semestre letivo deste ano duas grandes Feiras de...

Ex-ministro Ciro Gomes palestra sobre crescimento econômico na ALE e recebe homenagem de Sampaio

A Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR) realizou, nesta sexta-feira, 21, uma sessão especial com...