junho 12, 2024
InícioDestaquesSesau recomenda ampliação de faixa-etária de vacinação contra a dengue para cinco...

Sesau recomenda ampliação de faixa-etária de vacinação contra a dengue para cinco municípios de Roraima

Publicado em

A Sesau (Secretaria de Saúde) recomendou nessa quarta-feira, 5, a ampliação do público-alvo da estratégia de imunização contra a dengue para cinco municípios do Estado.

Conforme a Coordenadoria Geral de Vigilância em Saúde, a recomendação ocorre em razão da validade de um dos lotes do imunobiológicos da empresa farmacêutica QDenga, que expira no dia 30 de junho.

Com isso, os municípios de Caracaraí, Caroebe, Rorainópolis, São João da Baliza e São Luiz ficam autorizadas a ampliar para até 59 anos o público apto para a imunização.

“O Estado recebeu esses imunizantes no início de maio e iniciamos a campanha [nesses municípios]. Nós havíamos recebido a orientação de manter a faixa-etária de 10 a 14 anos, porém, diante da data de vencimento desse lote, somada a baixa adesão desse público, Roraima está ampliando essa faixa-etária, indo de 10 a 59 anos”, informou o diretor do Departamento de Vigilância Epidemiológica do Estado, José Vieira Filho.

A vacinação contra a dengue em Roraima iniciou no fim de fevereiro pelas prefeituras dos municípios de Alto Alegre, Amajari, Boa Vista, Bonfim, Cantá, Iracema, Mucajaí, Normandia, Pacaraima e Uiramutã.

Ao todo, o Estado recebeu do Ministério da Saúde um total de 20.670 doses de imunizantes.

A aplicação das doses é de total responsabilidade das prefeituras, por meio das Secretarias Municipais de Saúde, sendo necessário que o público-alvo se dirija a um posto de saúde mais próximo para receber o imunizante.

“É uma a vacina nova da dengue, que chegou agora, e vem subsidiar os casos graves da doença, principalmente as internações. Então, pedimos à população que divulgue essa informação e que procure as UBS para receber o imunizante”, destacou Vieira.

Diante do cenário das arboviroses no Estado, a Sesau, por meio da Coordenadoria Geral de Vigilância em Saúde, está realizando várias ações junto aos municípios para melhorar o desempenho da vacinação contra a dengue. Tais medidas incluem:

* Reunião com os municípios para apresentação das orientações técnicas e operacionais para o desenvolvimento da estratégia de vacinação contra a dengue em Roraima;

* Apoio técnico para o planejamento das atividades de vacinação, incluindo a construção de plano de ação municipal de estratégia de vacinação:

* Orientação quanto a necessidade de identificação e notificação de Eventos Supostamente Atribuídos a Vacinação ou Imunização, pelos profissionais de saúde dos municípios;

* Entrega do imunobiológico e insumos, para execução da vacinação no município;

* Monitoramento semanal das doses aplicadas;

* Orientações técnicas para os Coordenadores Municipais da Atenção Básica e responsáveis pela Imunização nos municípios para inserção de doses no sistema, correção de erros de registro e sugestão de atividades que possam melhorar a adesão da população à vacinação.

Foto: Divulgação 

Últimos Artigos

Agentes da Polícia Civil de Roraima participam de operação nacional de proteção ao Meio Ambiente

A PCRR (Polícia Civil de Roraima), por meio da DPMA (Delegacia de Proteção ao...

Em Brasília, Helder Barbalho diz que escolheu para o Pará modelo de desenvolvimento baseado em floresta viva

O governador do Pará, Helder Barbalho, afirmou, nesta quarta-feira, 12, que o Estado do...

Professor é condenado a 114 anos de prisão por estupro de seis crianças em Jaci-Paraná; Denúncia foi do MP

O Ministério Público de Rondônia (MPRO) obteve, junto ao Poder Judiciário, a condenação de...

ALE vai tomar providências contra policial civil de Roraima que chamou deputado de “otário”, “mentiroso” e “banana”

Nesta quarta-feira, 12, a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR) se reuniu...

Mais como este

Agentes da Polícia Civil de Roraima participam de operação nacional de proteção ao Meio Ambiente

A PCRR (Polícia Civil de Roraima), por meio da DPMA (Delegacia de Proteção ao...

Em Brasília, Helder Barbalho diz que escolheu para o Pará modelo de desenvolvimento baseado em floresta viva

O governador do Pará, Helder Barbalho, afirmou, nesta quarta-feira, 12, que o Estado do...

Professor é condenado a 114 anos de prisão por estupro de seis crianças em Jaci-Paraná; Denúncia foi do MP

O Ministério Público de Rondônia (MPRO) obteve, junto ao Poder Judiciário, a condenação de...